Democracia, a Cracia do Demo - Hora de Relaxar

Democracia, a Cracia do Demo


Subscribe
Share

Enviar esse post por E-mail Enviar esse post por E-mail
Artigos & Textos, Piadas




Um texto ironizando a tal da democracia (ou a cracia do demo, como dizem por ai). Como é a democracia nos diferentes lugares do mundo culminando com a democracia brasileira, ou melhor, democracia burocrática brasileira. Melhor ainda, democracia BURROCRÁTICA brasileira. Sei que essa é outra piada antiga… Mas essa poucas pessoas conhecem! A gente perfuma aqui, enfeita ali, coloca umas imagens, e fica tudo lindo! Relaxem! lady justice standing Democracia, a Cracia do Demo

 
 
Democracia – A Cracia do Demo
 
suica Democracia, a Cracia do Demo
Capitalismo Suíço
Você tem 500 vacas, mas nenhuma é sua.
Você cobra para guardar a vaca dos outros.
  
Capitalismo Espanhol
Você tem muito orgulho de ter duas vacas.
espanha Democracia, a Cracia do Demo
 
portugal Democracia, a Cracia do Demo Capitalismo Português
Você tem duas vacas.
E reclama porque seu rebanho não cresce…
 
 
Capitalismo Chinês
Você tem duas vacas e 300 pessoas tirando leite delas.
Você se gaba de ter pleno emprego e alta produtividade.
E prende o ativista que divulgou os números.
china Democracia, a Cracia do Demo
 
india Democracia, a Cracia do Demo Capitalismo Hindu
Você tem duas vacas.
Ai de quem tocar nelas.
 
 
Capitalismo Ideal
Você tem duas vacas.
Vende uma e compra um touro.
Eles se multiplicam, e a economia cresce.
Você vende o rebanho e aposenta-se, rico!
bob esponja ok Democracia, a Cracia do Demo
 
usa Democracia, a Cracia do Demo Capitalismo Americano
Você tem duas vacas.
Vende uma e força a outra a produzir leite de quatro vacas.
Fica surpreso quando ela morre.
 
Capitalismo Francês
Você tem duas vacas.
Entra em greve porque quer três.
franca Democracia, a Cracia do Demo
 
canada Democracia, a Cracia do Demo Capitalismo Canadense
Você tem duas vacas.
Usa o modelo do capitalismo americano.
As vacas morrem.
Você acusa o protecionismo brasileiro e adota medidas protecionistas para ter as três vacas do capitalismo francês.
 
Capitalismo Japonês
Você tem duas vacas.
Redesenha-as para que tenham um décimo do tamanho de uma vaca normal e produzam 20 vezes mais leite.
Depois cria desenhinhos de vacas chamados "Vaquimon" e os vende para o mundo inteiro.
japao Democracia, a Cracia do Demo
 
 
italia Democracia, a Cracia do Demo Capitalismo Italiano
Você tem duas vacas.
Uma delas é sua mãe, a outra é sua sogra, maledetto!!!
 
Capitalismo Holandês
Você tem duas vacas.
Elas vivem juntas, não gostam de touros e tudo bem.
holanda Democracia, a Cracia do Demo
 
alemanha Democracia, a Cracia do Demo Capitalismo Alemão
Você tem duas vacas.
Elas produzem leite regularmente, segundo padrões de quantidade e horário previamente estabelecido, de forma precisa e lucrativa.
Mas o que você queria mesmo era criar porcos.
 
Capitalismo Argentino
Você tem duas vacas.
Você se esforça para ensinar as vacas mugirem em inglês…
As vacas morrem.
Você entrega a carne delas para o churrasco de fim de ano ao FMI.
argentina Democracia, a Cracia do Demo
 
feudalismo Democracia, a Cracia do Demo Feudalismo
Você tem duas vacas.
Seu senhor pega parte do leite para ele.
 
Socialismo
Você tem duas vacas.
O governo as tira de você e as coloca num curral, junto com as vacas de todo mundo.
Você tem que cuidar de todas as vacas. O governo lhe dá um copo de leite.
marxeng Democracia, a Cracia do Demo
 
russia Democracia, a Cracia do Demo Comunismo Russo
Você tem duas vacas.
Você tem de cuidar delas, mas o governo fica com o leite todo.
Você rouba o máximo possível do leite e o vende no mercado negro.
 
Comunismo Cambojano
Você tem duas vacas.
O governo pega as duas e fuzila você, acusando-o de ser um capitalista criminoso centralizador dos recursos de produção da Nação e fomentando a fome de seu Povo.
camboja Democracia, a Cracia do Demo
 
iraque Democracia, a Cracia do Demo Ditadura Iraquiana
Você tem duas vacas e é fuzilado por suspeita de serem instrumento do imperialismo americano com o objetivo de contaminar todos os rebanhos dos país.
 
Burocracia
Você tem duas vacas. Primeiro, o governo traça normas para determinar como você vai poder alimentá-las e quando vai poder tirar leite delas. Depois, ele lhe paga para não tirar leite delas. A seguir, ele pega as duas vacas, mata uma a tiros, tira o leite da outra e joga o leite fora. Depois, manda você preencher um formulário em cinco vias para explicar o que foi.
burocracia Democracia, a Cracia do Demo
 
inglaterra Democracia, a Cracia do Demo Democracia Representativa Britânica
As duas vacas estão loucas, mas a família real mantém as aparências perante a imprensa.
 
Capitalismo Norte-Americano
Você tem duas vacas. Você vende uma delas e compra um touro, que usa para inseminar a outra vaca e também todas as outras vacas do pedaço. Depois, começa a exportar esperma para os mercados emergentes. Após vários anos de expansão, sua empresa lança uma oferta pública inicial para ser apresentada na Bolsa de Valores de Nova York. A Comissão de Valores Mobiliários abre um processo contra você e sua mulher por negociação com informações privilegiadas. Depois de uma longa e cara briga nos tribunais, você é considerado culpado e condenado a 10 anos de prisão, dos quais acaba cumprindo sete semanas. Quando sai da cadeia, você compra duas galinhas. Aí você vende uma delas… compra um galo…
tiosam Democracia, a Cracia do Demo
 
hongkong Democracia, a Cracia do Demo Capitalismo De Hong Kong
Você tem duas vacas. Você vende três delas à sua empresa de capital aberto, usando cartas de crédito abertas pelo banco de seu cunhado, depois executa um swap de dívida por crédito com uma oferta geral associada, de modo a receber todas as suas vacas de volta, com redução de impostos por manter cinco vacas. Os direitos ao leite de seis vacas são transferidos, via uma holding panamenha, a uma empresa com sede nas ilhas Cayman, de propriedade secreta do acionista majoritário, que revende os direitos ao leite de todas as sete vacas à empresa de capital aberto, enquanto adia o pagamento do produto da venda. O relatório anual diz que a empresa possui oito vacas, com opção para a aquisição de mais uma. Enquanto isso, você mata as duas vacas porque o feng shui delas é ruim (ou seja, elas têm mau-olhado).
 
Capitalismo Maicrosóftiano (Mercado De "Livre Concorrência")
Você tem duas vacas. Seu vizinho, Bio Gueites, faz uma oferta para comprar as duas de você, que não tem interesse no negócio. Após meses de tentativas infrutíferas, o Sr. Bio Gueites compra duas cabras e inicia uma campanha de marketing na Região demonstrando as vantagens do leite de cabra em relação ao de vaca. Após algum tempo, os consumidores acostumam-se com o leite de cabra – vendido diretamente pelo Sr. Bio Gueites – e passam a exigir tal produto nos pontos de vendas tradicionais. Um reduzido grupo de não consumidores de leite de cabra, após vários desarranjos intestinais ao experimentarem o novo padrão em leite não se convence com os argumentos do produtor, "que o problema não está no leite de cabra e sim na configuração do seu aparelho digestivo, recomendando fazer um "úpigreide" de seu fígado para uma versão peintiummmm 32 bitis". Mas felizmente são uma minoria. Pressionados pelos consumidores locais, os laticínios aceitam os termos do acordo para compra de leite de cabra do Sr.Bio Gueites: não deverão mais comprar mais leite de vaca. Após alguns poucos anos, a empresa do Sr. Bio passa trabalhar secretamente com vacas anãs, convencendo o público de que trata- se de uma nova linhagem de cabras, denominadas WinCabras95. Parte dos consumidores – que ainda recordavam do paladar do leite de vaca – acham o gosto do leite destas "novas cabras" muito parecido com o de vaca, mas certamente deverão estar equivocados. O resto da história talvez você já conheça.
windows1 Democracia, a Cracia do Demo
 
brasil Democracia, a Cracia do Demo Democracia Burocrática Brasileira
Você tem duas vacas. Primeiro, o Governo federal determinara normas de como você vai poder alimentá-las e quando vai poder tirar leite delas. Depois, ele lhe paga para não tirar leite delas em determinadas épocas do ano, sob o argumento do controle de preços (pois leite com excesso de oferta fará cair o preço no mercado interno e externo, podendo oscilar perigosamente a balança de pagamentos). Nos demais meses que lhe é permitida a ordenha, o Congresso institui IOL – Imposto sobre a Ordenha do Leite – que abocanha 24,3% do valor da venda sobre um faturamento médio projetado – mesmo que você não consiga vender o leite, pois a base tributária incide sobre uma estimativa de produtividade. O governo estadual, sabendo da existência das duas vacas, institui o ICVDL – Imposto de Circulação de Vacas e Derivados de Leite com a alíquota de 27,8% calculados sobre o valor de aquisição venal das vacas e/ou sobre o preço mínimo venal estipulado para o leite e derivados naquela região. Logicamente que, tendo sido vendido o leite a preço superior ao preço venal fixado, a base de calculo será a maior das duas. Entrementes, o governo municipal, sabendo da existência de um "boom" bovino na cidade, institui o IPTURAVDB Imposto – Predial Territorial Urbano e Rural sobre Abrigos de Vacas e demais Bovinos – calculados a base de 318,9876435 UFMs por metro quadrado da propriedade. Lei Municipal Complementar, proíbe a criação de Vacas e demais Bovinos em outros tipos de propriedades móveis ou imóveis não abrangidas pelo IPTURAVDB. Após poucos meses, um acordo entre os governos municipais e estaduais com a benção do governo federal, é instituído: o rodízio de vacas e demais bovinos nas ruas de cada cidade, com o nobre propósito de reduzir a poluição estercal das ruas. O desrespeito implicará na multa de US$100,00 por vaca por dia de autuação. Você, cidadão esmagado pela carga tributária, doa uma vaca para uma instituição de caridade e abate a segunda, oferecendo um churrasco para amigos e vizinhos. Ao receber – no exercício seguinte – todos os carnês dos impostos federal, estadual e municipal incidentes sobre as duas vacas, alega que já não as possui mais há meses. Mas como os computadores do SERPRO não foram atualizados você tem que recolher todos estes impostos – ou depositá-los em juízo – até provar que não é mais proprietário das bovinas. Diante da sua insistência em "sonegar" os impostos, estranhamente você é denunciado à receita federal, que o convoca a apresentar as declarações de imposto de renda dos últimos cinco exercícios. Como você não declarou nem as vacas compradas nem a origem do capital utilizado para esta aquisição, você torna-se devedor do fisco. Ao chegar em casa, vindo da delegacia da receita federal, dois fiscais da vigilância sanitária estão lhe aguardando com uma intimação para depor no abate não autorizado de animais para consumo alimentar.
 
 

2 Comentários | Comente você também!

  1. Luiz andre  |  12 de janeiro de 2009 às 14:33 #

    Algumas eu já conhecia e outras não, principalmente o Capitalismo Maicrosóftiano. Achei muito bom.
    Abraços

    Responder

    Luiz andre - Gravatar
  2. ianp  |  16 de fevereiro de 2012 às 20:11 #

    a democracia brasileira é a melhor.

    Responder

    ianp - Gravatar

Deixe um comentário!





CommentLuv badge


Gostaríamos de lembrar de alguns chavões que dizem: "O que seria do azul se não fosse o amarelo!" e "Uns gostam dos olhos, outros da remela!" que se resume em "Gosto não se discute!". Aconselhamos a leitura do artigo "As Três Peneiras de Sócrates".

Comente a vontade! Não existe nada mais eficiente e eficaz para o aperfeiçoamento de um blog!

Quando um leitor faz um comentário, um blogueiro sorri!

Porém ao comentar esforce-se em escrever algo coerente, inteligente e expor suas idéias com transparência, bom-senso e diplomacia. E com bom-humor também!

Lembre-se do lema do blog: Relaxa...

Importante: Todo e qualquer texto publicado através do sistema de comentários não reflete necessariamente a opinião deste blog ou de seu autor. As opiniões emitidas através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos visitantes que dele fizerem uso. O autor deste blog não se responsabiliza por quaisquer consequências e/ou danos que eles venham a provocar, e reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar desrespeitosos a terceiro.